Balizador de preços do boi gordo GPB/DATAGRO – Boletim de 12-março-2024
13 de março de 2024
Mais 38 frigoríficos brasileiros podem exportar carnes para a China
13 de março de 2024

Lula nega estudos para criar o “vale-carne”

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, negou que haja estudos no governo para criar o “vale-carne”. Em entrevista ao SBT, ele afirmou que o assunto se trata de uma “bobagem” e que “riu muito” quando leu a notícia sobre a possibilidade de elaboração do programa.

“É uma bobagem o vale-carne. Um cidadão entregou uma carta ao ministro [Paulo Teixeira] e o ministro mandou a carta para a Casa Civil, e disse para a imprensa que ia estudar. O que vai acontecer é que precisamos baixar o preço da carne, que já baixou. Não baixou o tanto que a gente queria, mas já baixou”, disse na entrevista transmitida na noite desta segunda-feira (11/3). “Eu ri muito quando vi a notícia do vale carne. Não acreditei que pudesse ser verdade”, completou Lula.

Como mostrou o Valor/Globo Rural, a sugestão de criação do “vale-carne” foi apresentada ao ministro do Desenvolvimento Agrário, Paulo Teixeira, por Guilherme Bumlai, presidente da Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul) e filho de José Carlos Bumlai, que foi condenado no âmbito da Operação Lava-Jato. Próximo de Lula, Bumlai chegou a ser preso em 2016 por ordem do então juiz da operação e hoje senador Sergio Moro (União Brasil-PR).

A proposta de criação do programa “Carne no Prato” foi apresentada em setembro de 2023. A ideia é destinar R$ 35 por família para a compra de dois quilos de carne bovina ao mês. O benefício poderia alcançar cerca de 19,5 milhões de pessoas.

O ministro Paulo Teixeira ressalvou que a proposta “ainda está em fase inicial para começar a tramitar”. Em nota à imprensa, o ministério esclareceu que o governo “recebe, diariamente, inúmeras sugestões de diversos setores da sociedade civil de aperfeiçoamento e criação de novas políticas públicas”.

Fonte: Globo Rural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress