Pecuaristas prevêem alta da arroba para R$ 42,00
18 de janeiro de 2001
Casos de vaca louca ultrapassam 182 mil
22 de janeiro de 2001

Estimativa da tendência genética em bovinos da raça Caracu1

Thaís Tomázia Simão 2, José Bento Sterman Ferraz3, Joanir Pereira Eler3,Luis Gustavo Girardi Figueiredo4 e Isabel Penteado5

RESUMO: Os bovinos da raça Caracu têm se tornado uma boa opção para os pecuaristas, pois esses animais têm se adaptado às condições climáticas do Brasil há centenas de anos, e a utilização de touros dessa raça tem crescido bastante. Assim, é essencial que estudos que levem ao conhecimento da sua genética sejam realizados. O presente trabalho teve como objetivo estudar as tendências genéticas dos animais da raça Caracu durante os últimos 20 anos, em um rebanho tradicional do Estado de São Paulo. Foram analisadas as características peso ao nascimento (PN), à desmama (PD) e aos 12 meses (P12) de 1.715 animais. As análises estatísticas foram realizadas com a utilização de modelos mistos (modelos animais), considerando-se os efeitos fixos de grupo de contemporâneos (GC) e classe de idade da vaca ao parto (CIV), além dos efeitos genéticos aleatórios do animal e materno e efeitos permanentes de ambiente materno. Pode-se concluir que, para todas essas características, o progresso genético foi baixo, indicando que a seleção tem sido pouco eficiente no rebanho estudado.

Palavras-chave: Caracu, gado de corte, tendência genética

Estimate of the genetics trends in Caracu Cattle

ABSTRACT: Caracu cattle has became a good option for cattle breeders in Brazil as a source of bulls to be used in crossbreeding systems, because those animals have been adapted to the tropical climatic conditions of the country since several hundreds of years. Thus, it is essential to know the genetics of that breed . The present paper had as objective of study the genetic trends of Caracu catlle during the last 20 years in a traditional herd of the State of São Paulo, Brazil. There were analyzed the traits birth weight (PN), weaning weight (PD) and weight at 12 months (P12) of 1.715 animals. Statistical analyses were accomplished with the use of mixed models under animal models, being considered the fixed effects of contemporaries´ group (GC) and class of age of the cow at birth of the calf (CIV), besides the random genetic direct and maternal effects of the animal and permanent effects of dams. Genetic progress was low for all traits, indicating that selection had not been effective in the herd studied.

Keywords: Caracu, genetic trends, beef cattle

Introdução

As novas demandas têm provocado grandes mudanças na pecuária de corte nacional, que têm significado aumento do custo de produção, aumento do risco e diminuição da margem de lucro. Assim, faz-se necessário um acompanhamento dos resultados para que se possa, quando preciso, corrigir eventuais erros de decisões ou direção nos processos de seleção de forma rápida, tentando minimizar eventuais prejuízos. Uma das maneiras de se promover este monitoramento é por meio de avaliação do progresso genético ao longo do tempo. Isto tem sido feito tanto para rebanhos experimentais (BAILEY et al., 1971) quanto em dados provenientes de rebanhos comerciais (FERRAZ FILHO, 1996). Desta forma, com o intuito não só de avaliar o progresso genético que vem sendo alcançado ao longo do tempo, mas também, e principalmente, para que estes resultados sirvam de elementos norteadores de ações futuras.
Tendo em vista a grande importância de se avaliar a tendência genética que vem sendo acumulada ao longo do tempo, este trabalho tem como objetivo estimar as tendências genéticas para ganhos de peso ao nascer, à desmama e aos 12 meses de animais da raça Caracu de um rebanho tradicional do Estado de São Paulo, utilizando-se a regressão dos valores genéticos aditivos sobre o ano de nascimento dos bezerros.

Material e métodos

Foram analisadas as características peso ao nascimento (PN), à desmama (PD) e aos 12 meses (P12) de 1.715 animais da raça Caracu, nascidos entre os anos de 1980 e 2000 na Fazenda Aurora, localizada no município de Santa Cruz das Palmeiras, Estado de São Paulo. As análises estatísticas foram realizadas com a utilização de modelos mistos (modelos animais), considerando-se os efeitos fixos de grupo de contemporâneos (GC) e classe de idade da vaca ao parto (CIV), além dos efeitos aleatórios genéticos diretos do animal e materno e efeitos permanentes de ambiente materno.

As tendências genéticas foram obtidas pela regressão das DEP´s anuais médias sobre o ano de nascimento do animal.

Resultados e discussão

A tendência genética para PN foi de 0,030 kg/ano (0.1% da média de 29,96 kg), para PD foi de 0,129 kg/ano (0,06% da média de 204.43 kg) e para P12 foi de 0,198 Kg/ano (0,07% da média de 277,43 kg).

As figuras 1, 2 e 3 apresentam os ganhos genéticos observados nas características PN, PD e P12 ao longo dos últimos 20 anos. Sua análise criteriosa demonstra que o progresso genético foi baixo, indicando que a seleção não tem sido eficiente, já que, teoricamente, é possível obterem-se ganhos da ordem de 1 a 1,5% da média da característica, por ano. No entanto, essa tendência, apesar de muito pequena, tem sido sempre positiva indicando que os critérios utilizados pela propriedade estavam no sentido correto, embora a velocidade de ganho tenha sido pequena.

O ganho genético de peso ao nascimento deve ser monitorado para evitarem-se, no futuro, nascimentos de bezerros muito pesados com conseqüente aumento do número de partos distócicos. Já o progresso genético das características PD e P12 deve ser intensificado, sendo possíveis obterem-se ganhos de 2 a 4 kg/ano nessas características.

Há que se ressaltar que o rebanho citado está sendo submetido pela primeira vez a uma análise mais profunda de seu desempenho, com a utilização de modelos animais e que, tão logo um programa efetivo de utilização dos valores genéticos aditivos seja implantado na propriedade, um significativo aumento na velocidade dos ganhos genéticos deverá ser obtido. A integração intensa entre os produtores rurais e a universidade e centros de pesquisa deverá produzir resultados bastante estimulantes para ambas as partes envolvidas e este estudo é apenas um primeira mostra disso.

O estudo deverá ser continuado tanto no futuro imediato quanto mediato, desejando-se agregar a este banco de dados informações de outros rebanhos, o que, certamente, produzirá conhecimentos mais profundos a respeito dessa raça, beneficiando não só os criadores de gado Caracu mas os potenciais usuários de touros para cruzamentos.

Figuras

Conclusões

O progresso genético verificado foi bastante baixo, indicando que a seleção não tem sido eficiente.

A intensificação do processo seletivo, possivelmente com a correta definição dos objetivos e critérios de seleção adequados, bem como com a utilização de valores genéticos aditivos, expressos em DEP´s – diferenças esperadas de progênie – deverá trazer significativo aumento na velocidade dos ganho genético.

Referências bibliográficas

BAILEY, C.M., HARVEY, W.R., HUNTER, J.E. et al. Estimated direct and correlated response to selection for performance traits in closed Hereford lines under different types of environment. J. Anim. Sci., Champaign V.33, n.3, p.541-549, 1971.

EUCLIDES FILHO, K.; NOBRE, P.R.C.; ROSA, A.N.. Tendências genéticas em características de crescimento em gado Nelore. Anais da XXIII Reunião da SBZ, v.23, p. 311, 1986.

EUCLIDES FILHO, K.; SILVA, L.O.C.; FIGUEIREDO, G. R. Tendências genéticas na raça Guzerá . Anais da XXXIV Reunião da SBZ, v.3, p.173 – 174, 1997.

FERRAZ FILHO, P.B., Análise e tendência genética de pesos em bovinos da raça Nelore Mocha no Brasil. Tese (Mestrado), Faculdade de Ciências agrárias r Veterinárias, UNESP Jaboticabal, p. 163, 1996.

KENNEDY, B.W.; HENDERSON, C.R.. Genetic trends among sires and dams in record of performance tested herds. J. Anim. Sci., Ottawa, v.57, n.6, p.339-343, 1977.

MERCADANTE, M.E; FIGUEIREDO, L.A; TROVO, J,B; RAZOOK, A,G. Estimativas de parâmetros e mudança genética em características de crescimento do rebanho Caracu . Anais da XXXIV Reunião da SBZ, v.3, p.380 – 382, 1998.

PIMENTA FILHO, E.C.. Mudança genética no peso aos 365 dias de idade em bovinos da raça Nelore no Estado de São Paulo. Tese (Doutorado). Ribeirão Preto, SP, Universidade de São Paulo, p.61, 1986.

********

1Pesquisa apoiada pela FAPESP e CNPq
2Estudante, estagiária do Depto. Melhoramento Animal da FZEA/USP. Candidata a bolsa de I.C. Fapesp. E-mail: tomazia@yahoo.com
3Grupo de Melhoramento Animal
Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos da USP
Cx. Postal 23 – 13630-970 – Pirassununga, SP
e.mail: jbferraz@usp.br ou joapeler@usp.br
4Mestrando da FZEA/USP. Bolsista Fapesp
5Proprietária da Fazenda Aurora

Os comentários estão encerrados.

plugins premium WordPress