Balizador de preços do boi gordo GPB/DATAGRO – Boletim de 29-abril-2024
30 de abril de 2024
EUA testarão carne moída em estados com surtos de gripe aviária em vacas leiteiras
30 de abril de 2024

Seca preocupa e pecuaristas vão às negociações para ‘segurar’ preço do boi gordo

Preocupados com a seca que pode afetar as pastagens e tentando aproveitar o mercado ainda firme para a arroba bovina, pecuaristas aparecem mais nas negociações na última sexta-feira (26/4). De acordo com a consultoria Agrifatto, algumas praças tiveram valorização e refletem a comercialização do boi gordo.

É o caso de Mato Grosso, que emplacou a maior valorização, estimada em 1,84% no comparativo semanal e a arroba bovina fechou a semana cotada a R$ 218,28. Na B3, os contratos com vencimento para maio avançaram, com alta de 0,34%, para R$ 232,70 a arroba. Os futuros para outubro, porém, tiveram aumento de apenas 0,14%, operando a R$ 244,65.

Por outro lado, o mercado atacadista de carne bovina enfrentou uma semana com “banho de água fria”, conforme avalia a consultoria especializada. A proximidade do Dia das Mães, por exemplo, gerou expectativas de que as cotações da carne com osso fossem aumentar, mas a semana terminou com o boi castrado a R$ 15,50/kg, sem variações.

A maior oferta de carne desde a quarta-feira passada levou a sobras e a desvalorização dos produtos.

Fonte: Globo Rural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress