Luciano de Andrade – Importância da cria na qualidade da carne
7 de março de 2001
Oriente Médio supera UE em carne
9 de março de 2001

Vacinação contra aftosa em nova fase na Bahia

A luta para erradicar a febre aftosa do rebanho bovino baiano prosseguiu ontem, com o lançamento oficial da 1ª etapa da campanha realizado pelo governador César Borges. A solenidade aconteceu na Fazenda Vila Rial, situada próxima à estrada que liga Santo Amaro a Cachoeira, no Recôncavo. César Borges esteve acompanhado do secretário da Agricultura, Pedro Barbosa, e o presidente da Federação da Agricultura do Estado, João Martins Filho, além de prefeitos de municípios da região. No evento, estiverem presentes produtores, lideranças rurais e representantes de cooperativas e sindicatos.

Com um rebanho estimado em 8,5 milhões de cabeças de gado, a Bahia obteve em 10 janeiro a certificação do Ministério da Agricultura como zona livre de febre aftosa com vacinação. Agora, o estado está a um passo de se tornar zona livre internacional da doença, pois a Comissão Técnica Veterinária da Organização Internacional de Epizootias – OIE aprovou o relatório enviado pelo ministério. No documento, o governo federal analisa a situação sanitária da Bahia e os demais estados do Circuito Pecuário Leste (Rio de Janeiro, Espírito Santo, Sergipe e leste de Minas Gerais).

O reconhecimento da nova condição do estado deverá ser oficializado em maio, quando acontece a reunião anual da OIE, em Paris. Apesar dos avanços, o Governo do Estado tem reforçado a defesa sanitária e investido ainda mais na mobilização dos produtores para que continuem vacinando. Uma das preocupações são as fronteiras com estados que ainda não conseguiram erradicar a doença, como Piauí e Pernambuco, além do trânsito de animais procedentes da região Norte.

fonte: Gazeta Mercantil, adaptado por Equipe BeefPoint

Os comentários estão encerrados.

plugins premium WordPress