Zanda McDonald: um profundo sentimento de perda
8 de abril de 2013
JBS e Marfrig prevêem recuperação de margens no 2T13
8 de abril de 2013

EUA: mercado de gado de engorda vai se recuperar?

Após diversas desvalorizações no mercado de gado para engorda dos Estados Unidos, vários fatores de mercado sugerem que os preços deverão se fortalecer nas próximas semanas. O economista da área de pecuária da Universidade do Estado de Oklahoma, Darrell Peel, disse que, nos últimos meses, os confinamentos permaneceram à margem e relutantes para repor o gado que comercializam devido aos altos preços dos alimentos dos animais e às margens negativas.

Após diversas desvalorizações no mercado de gado para engorda dos Estados Unidos, vários fatores de mercado sugerem que os preços deverão se fortalecer nas próximas semanas. O economista da área de pecuária da Universidade do Estado de Oklahoma, Darrell Peel, disse que, nos últimos meses, os confinamentos permaneceram à margem e relutantes para repor o gado que comercializam devido aos altos preços dos alimentos dos animais e às margens negativas.

Em março, os estoques de animais confinados estavam 7% menores do que no ano anterior e as colocações durante fevereiro caíram em 14% com relação à do ano anterior. Essa falta de demanda pressionou para baixo os preços dos animais para engorda.

Entretanto, o relatório de grãos mostrou que os estoques de milho dos Estados Unidos estão em 400 milhões de bushels maiores do que o esperado. O relatório de Perspectiva de Plantações mostrou que os produtores esperam plantar historicamente uma área grande de milho nessa primavera. Esses relatórios pressionaram os preços do milho para baixo e os preços do boi gordo aumentaram em cerca de US$ 2 por 100 libras (US$ 4,4/100 kg) à medida que as ofertas de gado para o mercado caíram.

Peel notou que os pesos das carcaças, que estão bem acima do ano anterior, caíram recentemente como efeito do inverno começar a afetar o gado terminado. O contínuo declínio nos pesos das carcaças, junto com as escassas ofertas de gado terminado, significarão contínuos declínios na produção de carne bovina com relação ao ano anterior.

A retenção de novilhas não alcançou o pico de forma significante ainda, de acordo com as situações de umidade e forragem, mas se as condições melhorarem nesse ano, mais novilhas estando em rebanhos de cria nesse outono significarão ofertas ainda mais escassas de gado para engorda.

As importações de gado para engorda do México caíram consideravelmente nos últimos meses. 2011 e 2012 trouxeram o segundo e o terceiro maiores números de importação de gado para engorda do México, mas grande parte da oferta foi devido à liquidação relacionada à seca no México. As importações começaram a cair no final de 2012 e, até agora nesse ano, caíram em 30% com relação ao ano anterior. Peel espera que, em 2013, as importações de gado mexicano para engorda caiam para menos de 1 milhão de cabeças comparado com cerca de 1,5 milhão no ano passado, significando uma oferta ainda mais escassa de gado disponível para os confinamentos.

A reportagem é da Drovers, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Os comentários estão encerrados.

plugins premium WordPress