Zona Livre de Aftosa abre mercado para os pecuaristas baianos
24 de janeiro de 2001
Exportações de carne da Austrália atingiram seu recorde em 2000
26 de janeiro de 2001

Frigoríficos argentinos têm prejuízos

Os frigoríficos da Argentina tiveram prejuízo de US$ 16,5 milhões no último trimestre. Isso se deveu à queda das exportações de carne bovina para a Europa, porque a demanda diminuiu, em meio à crise da Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB), a doença da vaca louca. É o que informa reportagem publicada hoje na Gazeta Mercantil.

Estima-se que os preços da carne bovina tenham caído 19% nos últimos quatro meses. O valor da quota de cortes especiais de carne bovina atingiu seu nível mais baixo no período de mais de 10 anos, informou a Bloomberg News. Os abatedouros exportaram cerca de 310 mil toneladas em 2000, 11% a menos que a previsão inicial do setor.

O setor de carne bovina da Argentina luta para se reerguer desde que um surto de febre aftosa, em agosto, diminuiu as exportações, com cerca de doze países restringindo as importações. Os abatedouros tiveram prejuízo de US$ 75 milhões com as suspensões das exportações. O aumento da preocupação com a vaca louca que atinge a Europa diminuiu o consumo na região.

fonte: Gazeta Mercantil

Os comentários estão encerrados.

plugins premium WordPress