Veja a previsão de chuva para os próximos dias no RS
7 de maio de 2024
Flórida se torna o primeiro estado a proibir a venda de carne cultivada em laboratório
7 de maio de 2024

Maio será mês de preços mais baixos da arroba do boi

O mercado físico do boi gordo demonstrou movimentações distintas ao redor do país, com algumas regiões com falta de chuvas e dificuldade de reter o gado no pasto, outras administrando melhor a oferta. Em São Paulo, o recuo foi de 0,31% na comparação diária, com a arroba cotada a R$ 229,70, segundo boletim da Agrifatto.

Na contramão, o Pará registrou alta de 1,19% na arroba, que estava operando até sexta-feira (3/5) a R$ 212. Na B3, os futuros demonstram baixas para todos os contratos, com o vencimento para maio cotado a R$ 229,75 por arroba, queda de 0,09%, na comparação feita dia-a-dia, informou a consultoria.

De acordo com a Safras & Mercado, a falta de chuvas no Centro-Norte do país vai provocar desgastes nas pastagens, obrigando pecuaristas a negociarem um número maior de animais este mês. Isso acarretará nova tendência baixista de preços.

Com mais animais terminados disponíveis, as indústrias conseguem manter suas escalas alongadas e pressionam para baixo os preços ofertados aos pecuaristas. A média nacional das escalas de abate se manteve estável na casa dos 10 dias úteis, acrescenta o boletim da Agrifatto.

Fonte: Globo Rural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress