Frigoríficos paulistas agora podem aderir ao Sisbi
29 de maio de 2024
É seguro comer carne após a enchente?
29 de maio de 2024

Preço do boi gordo fica estável na maioria das regiões do país

O preço da arroba bovina ficou estável hoje (28/5) na maioria das regiões pecuárias analisadas pela Scot Consultoria. No entanto, o clima frio que persiste nesta semana e a ausência de chuvas dificultam a manutenção do gado no pasto, pela má qualidade do capim. A opção mais viável para o pecuarista é aumentar a oferta de animais para abate, o que impede uma reação nas cotações da arroba.

“Com a queda da temperatura, as ofertas aumentaram e o escoamento da carne segue lento”, informou a Scot em relatório, citando também a demanda no mercado interno.

Em Barretos (SP) e Araçatuba (SP), “praças” utilizadas como referência para São Paulo, o valor bruto do boi gordo ficou cotado em R$ 222 por arroba a prazo, estável na variação diária.

Uma das poucas regiões que teve queda na arroba foi em Cuiabá (MT), onde o preço do boi está em R$ 209 a prazo.

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) ressaltou em relatório que a oferta de gado terminado tem alongado as escalas de abate em Mato Grosso, que podem fechar este mês com recorde para o período.

“O indicador fechou a parcial de mai/24 (até 24/05) em 10,63 dias, 62,54% acima da média dos últimos 10 anos para maio, que é de 6,54 dias”, disse o Imea.

Na ponta da demanda, as vendas externas de carne bovina contribuem para que os preços da arroba não caiam ainda mais no Brasil. Dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) divulgados ontem (27/5), mostram que foram embarcadas 178,87 mil toneladas da proteína até a quarta semana de maio, volume que já supera o total exportado em maio de 2023, de 168,43 mil toneladas.

Fonte: Globo Rural.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress